Boa Noite, Amor

Quando a noite descer
Insinuando um triste adeus
Olhando nos olhos teus
Hei de, beijando teus dedos, dizer:

Boa noite, amor
Meu grande amor
Contigo sonharei
E a minha dor esquecerei se eu souber que o sonho teu
Foi o mesmo sonho meu...

Boa noite, amor
E sonha enfim,
Pensando em mim,
Na carícia de um beijo
Que ficou no desejo...
Boa noite, meu grande amor!

(José Maria Abreu e Francisco Mattoso)

Um comentário:

Orvalho do Céu disse...

Olá, querida
Como vc é seguidora do meu blog, passo pra convidá-la:
Conforme disse, no início do mês, a partir de amanhã, tem festa no blog pelos 4 anos do meu blog, participe! Precisamos nos ajudar a crescer...
No post estará tudo explicadinho, creio eu, mas qualquer dúvida, estarei aqui no e-mail para responder, está bem???
Sua presença me é muito querida...
Na fraternidade, poderemos caminhar muito melhor...
Sem os leitores, comentaristas e visualizadores, nada sou...
Bjm de paz e bem

Postar um comentário

Seu comentário enriquece e alimenta este blog. Sê bem-vindo, mas não se esqueça que "gentileza gera gentileza". A casa é sua! Bjs Inquietos pra você!