Naquele Espelho

Uma janela grande, onde ela espairecia;
Uma cama de casal;
A cortina amarelinha,
Um belíssimo tapete floral...

Uma TV "de vinte" cujo controle vivia perdido;
Uma agenda personalizada;
Um telefone que tocava sem parar...
Quase sempre era eu: precisava falar!

Um guarda-roupas gigantesco, dividido por secção:
A da bagunça e a da organização.
Um espelho imponente e bem emoldurado...

Cheia de vida, arrumava-se tal qual uma rainha ...
Eu, princesa e súdita, sempre ao seu lado
Sorrindo, no espelho emoldurado...

Assim era o quarto dela
Lindo, vivo, alegre!
Sua partida desarrumou o quarto e deixou minha alma ao meio...
Uma parte vai tocando a vida,
A outra? 'Inda está naquele espelho.

3 comentários:

Claudia do Monte disse...

♥♥♥ lindo!

Canto das Bijoux disse...

Adorei! Lindo.

Beijos e ótimo fds!

Anne

RENATA D'EÇA disse...

Olá!! Faço parte do blogueiras unidas e to seguindo o seu blog!! Aguardo vc no meu!!! Bj

eee.redequinha.blogspot.com

Postar um comentário

Seu comentário enriquece e alimenta este blog. Sê bem-vindo, mas não se esqueça que "gentileza gera gentileza". A casa é sua! Bjs Inquietos pra você!